21/08/2023 às 16h59min - Atualizada em 22/08/2023 às 00h02min

Serra da Bocaina reserva contemplação de vistas das alturas em SP

Morro do Tira Chapéu e Pico da Bacia são pontos de observação turística com paisagens singulares

Wilson Vieira
Lettera Comunicação
Ponto obrigatório para o acesso à Serra da Bocaina, São José do Barreiro é uma estância turística que entrega uma experiência no turismo paulista exclusiva que alia história e natureza. Nas trilhas que são pura aventura do Parque Nacional, dois pontos se destacam pela impressionante visão do alto: o Morro Tira Chapéu e o Pico da Bacia. Ambos são reconhecidos por suas vistas de tirar o fôlego e ocupam posições no ranking das 10 maiores altitudes no estado de São Paulo.

O Morro Tira Chapéu é um dos ícones das paisagens de São José do Barreiro. Com uma altitude de 2.088 metros (equivalente a quase oito prédios da One Tower, maior torre da América Latina), ele oferece uma visão em 360 graus que abrange desde as exuberantes florestas até os picos imponentes da Serra da Bocaina. Os visitantes que se aventuram neste ponto de observação podem se sentir imersos na serenidade da natureza enquanto apreciam o nascer e o pôr do sol espetaculares – algumas agências turísticas, inclusive, oferecem experiências sensoriais como piqueniques e música ao vivo para apreciar o momento.

Ao alcançar o cume do morro, os aventureiros terão a oportunidade de contemplar a mais abrangente vista da Serra da Mantiqueira que já se viu. Nada menos que Marins, Serra Fina e Itatiaia, os três principais maciços da região, formam uma visão imponente. À esquerda, estende-se a crista linear dos Pilões, enquanto à direita se destaca o contorno recortado da Pedra Selada. Também é possível avistar o oceano, com a presença marcante da coluna da Pedra do Frade e os contornos sinuosos do Quebra Cangalha. Um verdadeiro mergulho visual na diversidade da paisagem.
 
Pico da Bacia
Outra jóia natural de São José do Barreiro é o Pico da Bacia, apenas a 10 km do Morro Tira Chapéu, que se eleva majestosamente acima da paisagem circundante. A experiência visual é diferente, mas igualmente memorável, permitindo que os visitantes testemunhem a natureza em seu estado mais puro. Com uma altitude de 2.095 metros, que a coloca como a mais alta da região, o Pico da Bacia é um local de contemplação onde a conexão entre o céu e a terra é quase tangível.

Aqui, a presença da colina anterior oculta a visão da Serra da Mantiqueira. Por outro lado, é possível contemplar São José do Barreiro e o Vale do Formoso. Ainda há o exuberante mar de colinas da Serra da Bocaina, onde se destaca a corcova da Pedra do Frade, localizada no paredão à beira-mar.

Conexão com a natureza
São José do Barreiro é um destino para quem busca escapar da agitação da vida urbana, uma oportunidade de se conectar com a beleza e a tranquilidade da natureza. Os pontos de observação do Morro Tira Chapéu e do Pico da Bacia oferecem a oportunidade perfeita para respirar ar puro, reenergizar o corpo, tranquilizar a mente e se maravilhar com a imensidão do mundo natural.

“Todo este espetáculo natural que a imensidão da Serra da Bocaina proporciona fica ainda melhor com a condução especializada. Nossa cidade tem empresas de agentes turísticos treinados e registrados no Cadastur. É este profissionalismo que garante segurança e a melhor experiência nas trilhas de aventura”, conclui Ana Paula Almeida, secretária de Turismo de São José do Barreiro.
 
 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp