24/08/2023 às 16h13min - Atualizada em 26/08/2023 às 08h06min

Participação feminina chega a 32% no 2º Desafio da Pecuária Responsável

Idade média dos 38 participantes é de 41 anos e profissão líder entre os inscritos é de zootecnista

Fernanda de Souza Martins
Foto - Divulgação
O Desafio da Pecuária Responsável foi criado pela Phibro Saúde Animal para fomentar o desenvolvimento e o aprimoramento colaborativo do setor produtivo, valorizando o capital humano com mentes inovadoras para revolucionar as cadeias da carne bovina e do leite, o bem-estar dos bovinos, a segurança dos alimentos e o futuro do planeta. Em sua segunda edição, esse foco nas pessoas se fortalece no pilar da diversidade: 32% dos projetos participantes são assinados por mulheres. Além disso, enviaram projetos pessoas de diferentes idades e profissões.
"Dos 38 projetos inscritos, 12 foram apresentados por mulheres. Esse dado comprova a ampliação da presença feminina, uma tendência no agronegócio. Temos orgulho de contribuir para a diversidade, dando oportunidade para que mentes brilhantes contribuam com a pecuária. Afinal, estamos falando de carne e leite, alimentos essenciais para as pessoas e para economia do país", comenta Camila Ferraz, gerente de marketing da Phibro na América do Sul. "Aliás, a primeira edição do Pecuária Responsável, em 2022, teve como vencedora uma mulher, Rubia Barra, 65 anos, de Goiás, que ficou com o prêmio".
Além da presença feminina, destaque também à faixa etária dos participantes. A idade média é de 41 anos, mas o concorrente mais novo tem 19 anos. No grupo dos mais experientes, há duas pessoas com 74 e 76 anos. "A idade não é obstáculo. Ideias inovadoras não se restringem a isso. A integração de gerações é uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento da pecuária, que tanto aborda a sucessão", diz Camila.
A variedade de profissões também aparece no Desafio da Pecuária Sustentável de 2023. São 10 zootecnistas, cinco médicos-veterinários e cinco engenheiros agrônomos, além de pecuaristas e agricultores. O grupo envolve ainda outras profissões, como administrador, publicitário, médico e nutricionista. "Temos quatro estudantes universitários, que poderão utilizar essa experiência para diferenciá-los no início de carreira. Temos certeza de que a iniciativa ajudará na formação teórica e prática deles", destaca a gerente da Phibro.
Ideias sustentáveis para a pecuária
A segunda edição do Desafio da Pecuária Responsável premiará com R$ 15 mil a melhor proposta de prática de sustentabilidade na pecuária de corte ou de leite. Dez dos 38 projetos inscritos serão selecionados, em julho, para uma curadoria especial e gratuita, conduzida por Mauricio Palma Nogueira, da consultoria Athenagro. O Desafio também conta com a participação da Embrapa Gado de Leite, do Notícias do Front e da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes Industrializadas (Abiec), além da Phibro.
O Desafio da Pecuária Responsável consiste na elaboração, por parte dos participantes, de ideias executáveis e aplicáveis ligadas às práticas sustentáveis, que tenham as pessoas como motor de transformação. Em outubro, três finalistas serão indicados pelo comitê técnico. O vencedor será escolhido em votação pública, durante evento em São Paulo. A edição tem patrocínio de Beckhauser, Friboi, Integral Certificações e Vetoquinol Saúde Animal, além do apoio de cerca de 130 empresas e entidades de classe ligadas ao setor produtivo.
"A responsabilidade ambiental, social e de governança ganha cada vez mais relevância no agronegócio. Acreditamos que a construção de uma pecuária responsável é essencialmente colaborativa, por isso investimos em pessoas. São essas mentes inovadoras – inscritas a partir de 33 cidades de 10 estados brasileiros – que revolucionarão a produção de proteínas animais, o bem-estar dos rebanhos, a segurança dos alimentos e o futuro do planeta", afirma o country manager da Phibro Saúde Animal no Brasil, Mauricio Graziani.
Sobre a Phibro Saúde Animal  
A Phibro Saúde Animal é uma das mais importantes indústrias veterinárias e de nutrição animal do mundo. Criada em 1916, nos Estados Unidos, está presente no Brasil há 25 anos, oferecendo produtos para suínos, aves, bovinos de corte e de leite, peixes e camarões, além de oferecer soluções para a produção de fontes energéticas renováveis. A empresa é uma das pioneiras no agronegócio a divulgar relatório completo de ações sobre responsabilidade ambiental, social e de governança (ESG, na sigla em inglês), dando transparência à sua atuação nesse campo em nível global. Para mais informações, acesse: https://www.phibrosaudeanimal.com/.
 

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp