27/08/2023 às 17h06min - Atualizada em 29/08/2023 às 00h10min

Turismo em Rifaina: destino se destaca por observação de aves, ciclismo e água doce

À margem esquerda do Rio Grande, é a Praia do Interior que deu certo

Governo do Estado de São Paulo
https://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/o-destaque-de-rifaina-e-o-turismo-de-agua-doce/
DownloadDivulgação Setur-SP
A represa formada pelas águas do Rio Grande deu origem à praia artificial de Rifaina

Distante 475 km da capital, o município de Rifaina recebe nos feriados e finais de semana mais de 150 mil turistas a cada ano. Com uma população de pouco mais de 4 mil habitantes, a cidade sempre teve vocação turística em especial pela instalação da Usina Hidrelétrica de Jaguara, construída às margens do Rio Grande que divide os municípios de Sacramento, em Minas Gerais e Rifaina, no estado de São Paulo.

Aos poucos, Rifaina começou a explorar sua condição de cidade ribeirinha como resultado do lago formado pela represa da usina. Foi no início dos anos 2000 que a vocação eclodiu: este destino decidiu investir esforços para explorar sua vocação turística, trabalhando nas áreas de saneamento, educação, saúde, segurança e serviços voltados para o segmento.

O cartão-postal da cidade é o Lago Jaguara, com 33 quilômetros quadrados de espelho d’água. A represa formada pelas águas do Rio Grande deu origem à praia artificial de Rifaina, que nos finais de semana transforma-se em um verdadeiro balneário. Com 1,5 km de extensão é excelente para praticar esportes náuticos, mergulhos, andar de lancha, jet skis e tomar sol nas margens. Há píer e quiosques ao longo da prainha.

Ao longo dos anos, mais de 400 ranchos ribeirinhos foram construídos em todo o entorno da represa, fortalecendo a cidade como ponto de referência para o Turismo Náutico. Vale destacar, que este forte segmento desenvolvido no município passa pelo seguinte conceito: é um tipo de turismo alternativo cada vez mais popular que se define como férias ativas em contato com a água, através da realização de atividades como a navegação em barcos à vela ou iates, bem como outras atividades lúdicas e desportivas que impliquem o desfrute da natureza neste contexto.

“Rifaina que é Município de Interesse Turístico desde 2017, também criou uma Rota de Ciclismo com a adesão de centenas de interessados nesta modalidade. Tem mais: este MIT conta com o Turismo de Observação de Aves, que começou timidamente há alguns anos e já registra adeptos em grande número, entre os quais, além de ornitólogos, os tradicionais passarinheiros”, informa Roberto de Lucena, Secretário de Turismo e Viagens do Estado de São Paulo.

No total, o Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos (Dadetur) repassou neste ano de 2023, o valor de quase R$ 340 mil para obras turísticas em andamento no município de Rifaina. 

Como chegar

Para ir até Rifaina, saindo de São Paulo, é preciso acessar a SP-348 (Rodovia dos Bandeirantes), a SP-330 (Rodovia Anhanguera) até a saída 318-A e a SP-334 (Rodovia Cândido Portinari).

O post Turismo em Rifaina: destino se destaca por observação de aves, ciclismo e água doce apareceu primeiro em Governo do Estado de São Paulo.



Fonte: www.saopaulo.sp.gov.br

Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp