21/02/2024 às 15h32min - Atualizada em 22/02/2024 às 00h03min

Negócios brasileiros perdem oportunidades de expansão por não falta de domínio de um idioma estrangeiro

As empresas que oferecem cursos de idiomas aos seus colaboradores ganham vantagem competitiva enquanto mudam a história do pais

Daniel Ribeiro
www.somaidiomas.com.br
Pexels - Divulgação

No Brasil, enquanto o acesso ao ensino superior e o número de profissionais especializados têm crescido, o domínio do inglês pela população permanece estagnado em 5%, com apenas 1% possuindo fluência no idioma, conforme um estudo do British Council. Este cenário contrasta com o crescimento notável de jovens estudando inglês, especialmente durante a pandemia, evidenciando uma lacuna significativa entre as gerações.

Adultos que já estão inseridos no mercado de trabalho, porém não possuem proficiência em inglês, enfrentam barreiras consideráveis em suas carreiras. Apesar de suas competências profissionais, a falta de habilidade no idioma os impede de aproveitar oportunidades de promoção e crescimento. Enquanto isso, os cursos de inglês tradicionais são em sua maioria voltados para adolescentes, deixando os adultos com poucas opções.

É comum ouvir a alegação de que aprender um novo idioma na idade adulta é difícil, e que só se aprende efetivamente durante uma imersão em um país estrangeiro. No entanto, isso é um equívoco. Nosso cérebro é capaz de aprender continuamente em qualquer idade, e com as ferramentas adequadas, é possível adquirir fluência em inglês mesmo sem sair do país.

A tecnologia moderna nos expõe diariamente a uma vasta gama de conhecimentos, e dominar o inglês amplia enormemente esse acesso. Sem o domínio do idioma, estamos limitados ao que foi traduzido por outros, perdendo a oportunidade de acessar informações diretamente e de inovar em nossas áreas de atuação.

Além disso, no cenário de competitividade global, as empresas têm acesso aos melhores profissionais de qualquer área, que podem prestar serviços remotamente de qualquer lugar do mundo. No entanto, para que a empresa conte com os serviços de um profissional estrangeiro, é necessário que alguém da equipe local seja capaz de se comunicar com o prestador de serviços.

As empresas desempenham um papel crucial no desenvolvimento de seus colaboradores, e oferecer cursos de inglês é uma maneira eficaz de investir em seu crescimento profissional. Estudos demonstram que empresas que investem no desenvolvimento de seus funcionários experimentam aumentos significativos na produtividade e satisfação no trabalho, além de uma redução no índice de rotatividade.

Oferecer cursos de inglês para funcionários adultos não só beneficia individualmente os colaboradores, permitindo-lhes alcançar seu potencial máximo, mas também traz vantagens tangíveis para as empresas, incluindo aumento da produtividade, retenção de talentos e expansão dos negócios internacionais. Portanto, investir em educação em inglês é um investimento inteligente para o futuro de todos.

*Daniel Ribeiro é fundador da Soma Idiomas, jornalista e especialista em ensino de idiomas para adultos.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp