14/04/2023 às 08h58min - Atualizada em 17/04/2023 às 00h13min

Filmes ligados à negritude, racismo e meio ambiente estão em cartaz

na Mostra Ecofalante Bahia

SALA DA NOTÍCIA valeria blanco
Ecofalante
Ecofalante
Filmes ligados à negritude, racismo e meio ambiente estão em cartaz nas salas Glauber Rocha e Walter da Silveira este fim de semana - GRATUITO
 
* programação faz parte da Mostra Ecofalante de Cinema que também traz diversas sessões com a presença dos diretores e produtores dos filmes “Diálogos com Ruth de Souza”, “Lavra” e “Segredos do Putumayo"
 
 
 
 
Uma das principais atrações deste fim de semana em Salvador é a Mostra Ecofalante de Cinema -  que acontece até 23 de abril no Cine Metha – Glauber Rocha, Sala Walter da Silveira e mais 17 espaços culturais e educacionais na cidade. Tudo com entrada Gratuita.
 
Questões ligadas à negritude e ao racismo estão presentes em diversos títulos que serão exibidos na mostra. Entre eles está o filme “Diálogos com Ruth de Souza”, da diretora Juliana Vicente (de “Racionais: Das Ruas de SP pro Mundo”) - que será exibido sábado às 19h15 no Cine Metha – Glauber Rocha, e refaz a trajetória pioneira dessa atriz que enfrentou o racismo e abriu portas para outras atrizes negras no teatro, televisão e cinema no Brasil, a partir de materiais de arquivo e de conversas com a diretora.  Após a sessão terá um bate-papo com a produtora do filme Diana Costa.
 
Merece destaque também a exibição de dois títulos assinados por Sarah Maldoror, a primeira mulher negra a dirigir um longa-metragem na África e considerada “a mãe do cinema africano”, que estão na programação de domingo. São eles “Sambizanga” (1972), A obra focaliza a figura de Domingos Xavier, operário angolano e ativista anticolonial que foi preso e torturado até à morte, em 1961, pela polícia política portuguesa, e “Uma Sobremesa para Constance”, produção de 1980, que trata do tema da imigração africana e do racismo em território francês, num momento em que este assunto começava a ganhar amplitude e seu enfrentamento tornava-se incontornável.
 
Para completar a programação do fim de semana ainda teremos as sessões com a presença dos diretores dos filmes “Segredos do Putumayo” de Aurélio Michiles, que recupera uma investigação sobre as denúncias de crimes contra comunidades indígenas cometidos na selva amazônica pela empresa britânica Peruvian Amazon Company, e “Lavra” de Lucas Bambozzi.  Este último foi vencedor do prêmio do público da Mostra Ecofalante do ano passado e conta a história de Camila, geógrafa, que retorna à sua terra natal depois de o rio de sua cidade ser contaminado pelo maior crime ambiental do Brasil.
 
 
Exibindo um total de 33 filmes, representando 16 países, o festival promove ainda projeções em 19 espaços culturais e educacionais da cidade. Três debates completam a grade: “O Futuro da Energia” (em 18/04), “Racismo Ambiental” (19/04) e “Direito à Mãe Terra” (20/04).
 
 
 
Dirigida por Chico Guariba e realizada pela OSC Ecofalante, a Mostra Ecofalante de Cinema já alcançou um público de mais de 880 mil pessoas desde sua primeira edição, em 2012. O site oficial do festival, com informações da programação, pode ser acessado pelo endereço www.ecofalante.org.br. A 12ª edição do festival acontece de 31/05 a 14/06, em São Paulo.   
 
A Mostra Ecofalante de Cinema - Bahia 2023 é viabilizada por meio da Lei de Incentivo à Cultura. Ela tem patrocínio da Taesa e da BASF e apoio da Drogasil e da IHS Brasil. Tem apoio institucional da Prefeitura de Salvador, do Governo do Estado da Bahia - por meio da Diretoria de Audiovisual (Dimas), da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), da Fundação Pedro Calmon (FPC) e das Secretarias de Cultura, Meio Ambiente e Educação -,  do Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima, Embaixada da França, The Film Foundation, World Cinema Project, Cineteca di Bologna, WWF-Brasil, 350.org e Programa Ecofalante Universidades. O hotel oficial do evento é o Hotel Bahia do Sol. A produção é da Doc & Outras Coisas e a coprodução é da Química Cultural. A realização é da Ecofalante e do Ministério da Cultura.
 
 
Serviço:
Mostra Ecofalante de Cinema - Bahia 2023
www.ecofalante.org.br
De 12 a 23 de abril de 2023
Gratuito
Cine Metha – Glauber Rocha - Praça Castro Alves 5, Centro - Salvador
Sala Walter da Silveira - Rua Gen. Labatut 27, Barris - Salvador
 
evento viabilizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp