18/04/2023 às 11h50min - Atualizada em 19/04/2023 às 00h00min

Exaustão mental: Quando começar a se preocupar?

Especialista em saúde mental, Alexander Bez, fala sobre como ela pode surgir e dá dicas de como lidar

SALA DA NOTÍCIA Da Redação
Márcia Stival Assessoria
Reprodução internet
Sentir-se esgotado, após uma rotina intensa e desgastante é comum. São diversos compromissos e nos sentimos como se não houvesse tempo nem para respirar. Além disso, não nos desconectamos do celular quase nunca, enviando constantemente milhões de informações para o nosso cérebro, o que aumenta a sensação de sobrecarga. O problema começa quando a fadiga afeta a saúde mental e física.

De acordo com o psicólogo Alexander Bez, a exaustão mental diz respeito a um cansaço mental, onde a principal sensação é a de drenagem de energia e as causas são psicológicas e emocionais.

“A exaustão mental é um marcador de que a pessoa possa estar em seu limite psicológico, é uma sintomatologia exclusivamente psicológica e se diferencia do stress por ser um sintoma interno-mental, não externo”, declara o especialista em ansiedade e saúde mental.

Ele afirma que alguns sintomas frequentes são irritação constante, raiva desproporcional, temperamento alterado, falta de paciência, assim alterando o humor. “Não é preciso um fator externo como o stress para desenvolver a exaustão mental, ela vem de conflitos, dúvidas, cobranças pessoais, culpa por não ter feito algo que queria ou como devia, cobranças profissionais e também pessoais, Ansiedade e Depressão.”

Como consequência, segundo Bez, a pessoa terá falta de controle, falta de produtividade profissional e falta de criatividade. “A exaustão mental também conduz a pessoa a uma inoportuna insônia, pode levar ao álcool e/ou drogas, como um mecanismo de compensação, além de dificuldades com as finanças e relacionamentos. É tão sério que pode ocasionar acidentes automobilísticos pela falta de atenção que leva a pessoa a ter.”, adiciona ele.

Para lidar com o cansaço mental, o psicólogo dá 7 dicas valiosas:

1.      Fazer psicoterapia psicanalítica
Já que muitas das causas da exaustão são inconscientes, esse tipo de terapia é bastante eficaz.

2.     Tire pequenas pausas
É importante fazer algumas pausas entre uma tarefa e outra para aliviar o cansaço da mente.      

3.      Esteja engajado socialmente

4.      Mantenha-se bem hidratado e alimentado

5.      Procure fazer a higiene do sono
Assim, ajudando a melhorar a capacidade de adormecer e permanecer dormindo durante a noite.

6.      Faça exercícios físicos

7.      Uso de medicamentos
Aos que desenvolveram Ansiedade e Depressão, causados pelo quadro de esgotamento, é necessário o uso de medicamentos como ansiolíticos e antidepressivos.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp