20/04/2023 às 11h38min - Atualizada em 21/04/2023 às 00h01min

Cinco tendências de marketing para ficarmos de olho em 2023

Conheça algumas dicas fundamentais para impulsionar qualquer empresa

SALA DA NOTÍCIA Thiago Baez
https://artesfilmes.com.br/
Divulgação
Quando falamos de Marketing, é importante referir que acompanhar a movimentação do mercado e das formas de consumir conteúdo é fundamental para qualquer empresa, seja ela de pequeno, médio ou grande porte. E com a chegada de 2023, especialistas precisam cada vez mais se adaptar a um setor que só cresce: segundo uma pesquisa feita pela empresa de consultoria Gartner, com CMOs e líderes de marketing de todo o mundo, apesar dos cenários de incertezas geopolíticas e econômicas no globo, o valor gasto no setor subiu de 6,4% em 2021 para 9,5% em 2022 e a expectativa é de crescimento para 2023.

E com a tendência a focar menos no produto ou serviço e mais na experiência do cliente ao consumi-lo, fortalecer a marca é, sobretudo, acompanhar o que vale a pena tirar do papel quando o assunto é estratégia de Marketing.

Seguem algumas das principais tendências:
1 - Eventos híbridos estão mais fortes do que nunca
Mesclar eventos presenciais com transmissões ao vivo seguirá entre as preferências para um maior alcance do público. A modalidade híbrida segue movimentando o mercado de streaming. Segundo estudo da VM Consultoria e da SSK Análises, 83% dos organizadores de eventos pretendem aderir a este formato.

2 - Webinars no setor da educação
Ainda falando em vídeos e mundo híbrido, os webinars, sobretudo para conteúdo educativo, concentrará grande parte dos esforços. O uso da tecnologia na educação teve o seu “boom” na pandemia, mas nos últimos tempos, professores e educadores têm visto como o vídeo e a transmissão ao vivo podem potencializar a aprendizagem de uma forma dinâmica e interativa.

Com a maioria das pessoas preferindo o vídeo para consumo de informação e o streaming cada vez mais em alta, os webinars merecem atenção especial este ano.

3 - Vídeos curtos (ainda) são a bola da vez
Esquece o textão e o vídeo de uma hora. Os vídeos curtos e assertivos não vão sumir – pelo contrário, o conteúdo rápido e assertivo atrai o usuário que cada vez mais tem menos tempo a perder.
Este tipo de vídeos viraram uma verdadeira avalanche nos últimos dois anos nas redes sociais. De janeiro de 2018 até novembro de 2022, o Tik Tok cresceu 1.157,76% (dados da Bytedance – dona do app). Hoje já tem mais de 1 bilhão de usuários ativos diariamente e ocupa a 7ª posição na lista das redes sociais mais usadas no mundo.

Os concorrentes, claro, ficaram de olho: no Instagram, a ferramenta Reels é das que dá mais alcance e, no Youtube, os vídeos de Shorts passarão a ser monetizados a partir de fevereiro, tal é a popularidade que conquistou entre os usuários.

4 - O metaverso e os novos negócios
As marcas devem apostar no metaverso para gerar novos negócios e potencializar uma verdadeira imersão no relacionamento com o cliente. Por ser um mundo novo, a maioria das empresas ainda não despertou para esse universo. Mas quem aderir ao Metaverso dentro do Marketing Digital nos próximos anos terá a chance de viver uma experiência 100% nova com o cliente.

Já imaginou criar uma loja no Metaverso, onde o seu cliente poderá testar seus produtos? Isso será incrível viver novas possibilidades multifuncionais, expandido interações e apresentar novas ferramentas.

Acredite, isso não está muito longe de se concretizar. Vale a pena ficar de olho.

5 - O podcast como forma de estreitar relacionamento entre empresa e cliente
O podcast é o formato de mídia mais promissor do Brasil. Com mais de 30 milhões de ouvintes, o Brasil é o terceiro país que mais consome podcast no mundo, ficando atrás apenas da Suécia e Irlanda.
E para 2023 a aposta é que cresça ainda mais. A estimativa da eMarketer é que a audiência do formato chegue a 23,5% da população mundial até 2024. Ou seja, quase um em cada quatro internautas no mundo logo será ouvinte de podcast.

E os programas empresariais são a grande tendência para viver novas possibilidades quando o assunto é comunicação corporativa. Ou seja, podcasts multiplataforma, com personalização e especialização de conteúdos orientados para a informação, bem como a relevância da comunidade.

Bruno Rodrigues – CEO e Co-Founder da Artes Filmes. Formado em Rádio e TV pela Universidade Brás Cubas de Mogi das Cruzes. MBA em Gestão Empresarial pela FGV, especialização em Gestão de Redes de Franquias pela ABF (Associação Brasileira de Franchising).
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp