20/04/2023 às 17h52min - Atualizada em 21/04/2023 às 00h04min

Secretaria Estadual de Turismo e Viagens de São Paulo e Ibrachina debatem desenvolvimento do setor

SALA DA NOTÍCIA Redação
https://www.ibrachina.com.br/
Divulgação
Thomas Law, presidente do Instituto, recebeu o secretário Roberto de Lucena na sede do Ibrachina

O secretário de Turismo e Viagens do Governo do Estado de São Paulo, Roberto de Lucena, esteve na sede do Ibrachina, nesta quinta-feira (20), para uma reunião de trabalho com o presidente do Instituto, Thomas Law.

Na pauta, propostas para o desenvolvimento do setor em São Paulo. Entre elas, a criação de uma incubadora da área do turismo com inovação e a instalação de distritos de turismo urbanístico e ecológico. Também trataram da promoção internacional do turismo brasileiro, contemplando o desafio de aperfeiçoar a segurança pública em pontos turísticos.

O secretário destacou que a indústria do turismo movimenta 8% do PIB (R$ 240 bilhões), com potencial de crescimento de 9%, em torno de 250 bilhões, em virtude do reaquecimento da economia. A área gera mais de 2 milhões de postos de trabalho e a meta é atrair cada vez mais turistas estrangeiros para o Brasil.

Especificamente sobre São Paulo, Lucena destacou que o estado recebe mais de 45 milhões de turistas anualmente, de acordo com dados do Centro de Inteligência da Economia do Turismo (CIET). Ele considera o sudeste do Brasil (SP, RJ e MG) uma força no turismo nacional, com potencial para avançar na recepção do turismo internacional.

“Foi uma conversa agradável, onde estabelecemos pontos em comum para cooperar no desenvolvimento de uma das áreas mais rentáveis, geradoras de emprego e renda de forma limpa, ecológica e capaz de impulsionar a revitalização de nosso patrimônio histórico e cultural, como o Centro de São Paulo, que integra o maior circuito de turismo de compras da América Latina e um dos maiores do mundo”, destacou Thomas Law.

Participaram da reunião Marcio Pereira, diretor do Instituto Orbis, e Ricardo Correia, que realizam uma pesquisa sobre a necessidade de revitalização do centro para a APECC. Também apresenta dois indicadores para a Associação: o Índice APECC de Bem-estar do Centro de São Paulo (IABCSP) e o Índice APECC de Potencial Turístico do Centro de São Paulo (IAPTCSP).

Também estiveram presentes Tania Gomes Luz, head de Inovação do Ibrawork; Armando Rovai, consultor jurídico da APECC e professor de Direito Empresarial da PUC-SP e Mackenzie; e Edmilson Bordon, diretor de Relações Institucionais do Ibrachina.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornaldobelem.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp